Política Últimas Notícias

China desenvolve Canhão de Micro-ondas montável em caminhão que pode derrubar satélites

A China desenvolveu um Canhão de Micro-ondas aterrorizante, apelidado de “Canhão de Micro-ondas”, que supostamente pode derrubar satélites com ondas 68.

Por Comando da Notícia

23/05/2024 às 12:14:36 - Atualizado h√°
Foto: Gazeta Brasil

A China desenvolveu um Canhão de Micro-ondas aterrorizante, apelidado de “Canhão de Micro-ondas”, que supostamente pode derrubar satélites com ondas 68.000 vezes mais fortes do que o campo magnético da Terra. Esse dispositivo, equipado com quatro motores Stirling, pode ser montado na traseira de um caminhão, fornecendo flexibilidade militar à potência asiática.

As propriedades de resfriamento dos motores Stirling aumentarão a força da poderosa arma de micro-ondas, com testes mostrando que ela consome apenas um quinto da energia de outros sistemas similares. A China já fez modelos semelhantes no passado, mas nenhum que omitisse esse tipo de potência – e certamente nenhum com a capacidade de operar continuamente por cerca de quatro horas. Se os relatos forem verdadeiros, então a arma de micro-ondas de alta potência (HPM) da China será a primeira a utilizar a tecnologia do motor a ser abertamente revelada ao público.

Segundo a equipe do projeto, liderada pelo cientista de engenharia eletrônica Xu Ce, o HPM possui um campo magnético contínuo e estável com uma intensidade 68.000 vezes maior que a da Terra. Para colocar em perspectiva, isso é próximo da metade da intensidade do campo magnético que pode ser gerado pelo Grande Colisor de Hádrons (LHC) na Europa – o maior e mais energético colisor de partículas do mundo. Com o sistema de armas capaz de ser montado em um caminhão, a China pode literalmente posicioná-lo onde quiser, oferecendo uma lista infinita de possibilidades. E, com a capacidade de operar por até quatro horas sem perder energia, jornadas mais longas não serão um problema.

A arma foi desenvolvida em conjunto pelo Instituto de Tecnologia Nuclear do Noroeste, em Xi’an, e pelo Instituto de Engenharia Elétrica, em Pequim, de acordo com o South China Morning Post. A equipe do projeto observou como as armas HPM atuais, impulsionadas por campos magnéticos fortes, “sofrem com as desvantagens do consumo de energia enorme e do grande tamanho”. Portanto, os motores são críticos porque funcionam como refrigeradores, removendo rapidamente o calor de um local. No entanto, em um artigo publicado no mês passado na revista acadêmica chinesa High Power Laser and Particle Beams, a equipe do projeto explica como o motor Stirling tem uma limitação.

Um motor só pode resfriar até 40 graus acima do zero absoluto, no entanto, supercondutores de baixa temperatura que geram campos magnéticos fortes devem operar dentro de quatro graus acima do zero absoluto. Além disso, se o campo magnético não for forte o suficiente, a qualidade do feixe de elétrons gerado pela arma de micro-ondas será comprometida. Como resultado, ele não poderá percorrer uma longa distância. Para garantir que ele possa atingir seu potencial máximo, a equipe de Xu usou um material supercondutor de alta temperatura chamado REBCO para alcançar resistência zero entre 40 e 50 graus acima do zero absoluto. Eles conseguiram uma temperatura de 48 graus acima do zero absoluto e geraram um campo magnético superior a quatro teslas combinando um material supercondutor com o motor.

De acordo com seu artigo publicado, essa combinação levou a uma redução de 80 por cento no consumo total de energia em comparação com a tecnologia tradicional. Uma introdução iminente no campo de batalha é improvável, no entanto, com Xu e sua equipe observando que certas questões precisam de mais melhorias. “Embora atenda aos requisitos básicos, ainda há espaço para aprimoramento no sistema como um todo, e uma miniaturização adicional é possível dentro da estrutura atual”, eles escreveram. A notícia do Canhão de Micro-ondas vem apenas algumas semanas depois de ser revelado que a China havia criado uma “bala dos sonhos” aterrorizante capaz de atingir velocidades de 5.300 mph e mudar de direção por meio de sinais de SatNav. Projetada para armas de energia cinética, a bala pode ser disparada de um formidável canhão elétrico e é capaz de percorrer 8.200 pés em apenas um segundo.

Fonte: GAZETA BRASIL
Comunicar erro

Coment√°rios Comunicar erro

Comando Geral BG

© 2024 Comando Geral BG - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Comando Geral BG
Acompanhantes de Goi?nia